domingo, 10 de setembro de 2017

Chuvas de meteoros e superlua são ‘atrações do céu’ até o fim deste ano

Postado por Noticiando PB  | 

Basta o anúncio de um fenômeno de espacial, como um eclipse ou passagem de um cometa, que muita gente consegue um tempinho e volta os olhos para o céu. Até dezembro deste ano, pelo menos quatro eventos vão chamar a atenção de quem mora em João Pessoa para observar o espaço por alguns instantes. Serão três chuvas de meteoros e uma superlua, segundo informou a Associação Paraibana de Astronomia (APA).
No último dia 21 de agosto, o eclipse solar, visto em várias partes do mundo, também pôde ser observado de diversos pontos da Paraíba. No próximo mês de outubro, a atenção dos curiosos e admiradores de fenômenos espaciais estará voltada para a noite do dia 21 e madrugada do dia 22, quando será registrada a chuva de meteoros Orionídeas. O acontecimento poderá ser visto a olho nu e, para uma melhor visibilidade, basta procurar os lugares mais afastados das luzes da cidade, conforme explica um dos integrantes da APA, Marcelo Zurita.
Já no mês seguinte, da noite de 17 de novembro e madrugada do dia 18, será a vez de observar a chuva de meteoros Leônidas. De acordo com Marcelo Zurita, o fenômeno está associado ao cometa Tempel-Tuttle e é esperada uma chuva com taxa média de 20 meteoros por hora.  “Entretanto, a cada 33 anos, a Leônidas apresenta um surto de atividade onde ocorre acima de mil meteoros por hora. Infelizmente, o próximo surto só deve ocorrer em 2031”, explicou o astrônomo.
Já em dezembro, no dia 3, a superlua deverá atrair muitos visitantes a Orla da Capital, local tradicionalmente procurado para quem gosta de observar a beleza do fenômeno. Posteriormente, entre a noite de 13 de dezembro e a madrugada do dia 14 ocorrerá a última chuva de meteoros Gemnídeas e será a melhor chuva de meteoros para os observadores do Nordeste, segundo Marcelo Zurita. Ele lembra que a taxa será de pelo menos 60 meteoros por hora.
“Uma curiosidade dessa chuva de meteoros é que ela não está associada a um cometa e sim a um asteroide, o Faetone. No entanto, acredita-se que o Faetone seja na verdade um cometa que perdeu todo o seu material volátil (gelo e gases congelados). Para ver a Geminídeas desse ano, vale a pena ficar acordado, sua maior atividade deve ocorrer no final da noite”, destacou.

Autor

Noticiando PB

Total de visualizações de página

Subscribe to our Mailing List

We'll never share your Email address.
Copyright © 2013 Noticiando PB. Powered by Blogger.
Blogger Template by Bloggertheme9
(83) 9 9618-4861 noticiandopb1@gmail.com