sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Operação contra ‘jogos de azar’ em João Pessoa leva 60 pessoas para depor

Postado por Noticiando PB  | 

(Foto: Walter Paparazzo/G1)
Cerca de 60 pessoas foram levadas à Central de Polícia em João Pessoa para depor sobre jogos de azar, na tarde desta sexta-feira (1º). A operação “Lotos” cumpriu quatro mandados de busca em Tambaú, no Ernani Sátiro e no Centro da capital, em “casas de exploração de jogo de azar”. A investigação da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) durou três meses, de acordo com o delegado Lucas Sá.
“Viemos na sexta-feira à tarde porque fomos informados que é o momento de maior movimentação na casa. Por volta de 40 a 50 apostadores e 15 funcionários desta ‘casa de azar’ no Centro estão sendo levados para depor e, na medida que prestarem depoimento, vão sendo liberados”, disse Lucas Sá. Foi necessário um ônibus da Polícia Civil para levar as pessoas à central.
O delegado informou que entre os apostadores há funcionários públicos que chegam a comprometer até 80% da sua renda mensal nos jogos. Equipamentos eletrônicos e documentos da contabilidade da “casa de azar” do Centro foram apreendidos e vão passar por processo de análise.
Os envolvidos na exploração de jogos de azar vão responder por lavagem de dinheiro, associação criminosa, além da contravenção penal de estabelecer ou explorar jogo de azar. De acordo com Lucas Sá, os apostadores também vão ser autuados pela contravenção e podem pagar multas de R$ 2 mil a R$ 100 mil.
O nome “Lotos” – que titula a operação – é usado como gíria pelas pessoas do meio, se referindo aos jogos de azar, assim como a uma planta alucinógena.
G1

Autor

Noticiando PB

Total de visualizações de página

Subscribe to our Mailing List

We'll never share your Email address.
Copyright © 2013 Noticiando PB. Powered by Blogger.
Blogger Template by Bloggertheme9
(83) 9 9618-4861 noticiandopb1@gmail.com