sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Pastor Rusemberg Medeiros por não aceitar irregularidades dentro de ministério em Sapé-PB, é transferido para Nova Floresta, mas pede desligamento antes de assumir

Postado por Noticiando PB  | 

Rusemberg e sua esposa Vanessa


O pastor Rusemberg Medeiros foi transferido após uma suposta perseguição dentro de uma igreja evangélica, em Sapé-PB. O religioso que é natural da cidade de Nova Floresta, no Curimataú paraibano, disse que chegou naquele ministério em maio deste ano para combater o 'pecado' que lá rondava, e por seguir a risca a religião e tentar combate-lo, foi transferido contra a vontade dos fiéis da referida igreja.

O pastor não quis citar o nome do ministério nem o "pecado" que o  fez  desistir de seguir aquela entidade.  

Indignados com a injustiça ocorrida com o pastor, populares e até autoridades políticas de Sapé estão mobilizadas com o caso. Além de ganhar o apoio, Rusemberg está recebendo equipamentos de som e outros acessórios, que serão usados em suas ações religiosas futuras. 

A irmã Rosa muito emocionada e decepcionada com a situação e a remoção, mencionou que o pastor foi condenado por não se deixar levar pelo "pecado da carne". "O pastor Rusemberg tem principio, luz e por esse motivo ele está saindo desse lugar, por não ter se vendido, se corrompido. Ainda existe homens e mulheres de Deus que não se corrompem. Muitos não tiveram a coragem e ele junto com sua esposa estavam tentando mudar essa igreja que sofre com isso há anos. Ele vai sair aqui de cabeça erguida por não se deixar levar pela corrupção e pecado da carne", concluiu.

O obreiro Adriano falou que no curto período de tempo que o religioso passou a frente do ministério, ele fez mais ações em prol da comunidade do que outros pastores. "Nesses três meses nos apegamos demais ao pastor e o que ele fez nesse curto período de tempo outros que passaram por aqui não conseguiram fazer. Temos muitos testemunhos aqui na igreja do que Rusemberg fez por nós. Fico triste pela saída do pastor, mas conformado por saber que ele não se rendeu ao pecado", enfatizou.


Rusemberg iria ser transferido para o ministério de sua cidade de origem, mas por não concordar com o pensar dos superiores, pediu o desligamento por carta e ficará à frente de um trabalho de evangelização na cidade de Picuí-PB. "Eu não concordei e estou regressando para Picuí, onde eu fiz uma linda obra, onde Jesus através da minha vida, curou vidas, enfermidades e outras coisas que o reino de Deus manifestou", disse.

A repercussão foi tão grande que os familiares do pastor que estavam à frente do ministério em João Pessoa-PB e Coremas-PB, renunciaram e também estão voltando para Nova Floresta, onde continuarão  projetos idealizados a  tempos atrás.

Noticiando PB


Autor

Noticiando PB

Total de visualizações de página

Subscribe to our Mailing List

We'll never share your Email address.
Copyright © 2013 Noticiando PB. Powered by Blogger.
Blogger Template by Bloggertheme9
(83) 9 9618-4861 noticiandopb1@gmail.com