quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

Temer evita falar em candidatura, mas não descarta reeleição em 2018

Postado por Noticiando PB  | 


O presidente Michel Temer, 77 anos, diz que está revigorado. “Depois que coloquei os stents (objeto para repor o fluxo sanguíneo), a circulação melhorou e a dor de cabeça passou. Eu me sinto renascido”, afirmou ele, ontem, durante uma conversa com o Correio de quase duas horas na sede do jornal. Mostrando disposição e bom humor, o peemedebista falou, além de aspectos da própria saúde, sobre eleições 2018, reforma da Previdência, Joesley Batista, Rodrigo Janot e governabilidade.
“Ninguém quer radicalizar ainda mais a situação, o radicalismo não combina com o Brasil”, afirmou Temer, afirmando acreditar que o eleitorado vai procurar alguém mais de centro. Sobre o PT, ele acha que o partido não deve incomodar. O presidente disse que não pensa na própria candidatura à reeleição, mas cita Ulysses Guimarães, o lendário político do PMDB, para responder à pergunta: “Eu não postulo, eu me posiciono”. Para ele, processo de candidatura deve ocorrer naturalmente.
Na sequência da conversa, ao falar da gestão, Temer ficou mais sério. “Foi muito sacrificante para mim esse um ano e meio. A campanha contra mim é feroz, vocês não fazem ideia. Ninguém apanhou tanto quanto eu”, afirmou ele. “Hoje, tocamos um programa de governo, ao contrário do que muitos candidatos fazem, a maioria faz isso de forma eleitoreira.” E começou a falar dos números da economia, com a queda dos juros, da inflação e a retomada do emprego.  
Ao citar dos índices negativos de popularidade, Temer lembrou o publicitário Nizan Guanaes, integrante do Conselho Econômico e Social da Presidência. “Ele, certa vez, falou: ‘Aproveite a sua impopularidade e faça o que for necessário ao país’. A popularidade acaba tolhendo ações necessárias.” O peemedebista acredita que a Previdência será aprovada, e não passou por muito pouco na semana passada. “Mas demos o recado que não vamos desistir da Previdência. Em fevereiro, aprova”, disse ele, citando os desafios de 2018, tema do Correio Debate, que ocorreu ontem (leia nas páginas de 4 a 9). “As pessoas precisam entender o que está acontecendo em vários estados, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Minas Gerais.”

Click PB

Autor

Noticiando PB

Total de visualizações de página

Subscribe to our Mailing List

We'll never share your Email address.
Copyright © 2013 Noticiando PB. Powered by Blogger.
Blogger Template by Bloggertheme9
(83) 9 9618-4861 noticiandopb1@gmail.com