sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Mulher reage a assalto com ‘vassouradas’ em bandido; ‘Devia ter dado mais’

Postado por Noticiando PB  | 


Um vídeo que mostra uma mulher reagindo a um assalto com ‘vassouradas’ viralizou nas redes sociais na manhã desta sexta-feira (19). O caso aconteceu no Bairro dos Estados, em João Pessoa, e a vítima disse que reagiu porque notou que o suspeito estava desarmado. Ela afirmou que faria novamente. 

Ao repórter Emerson Machado, em entrevista ao programa Correio Debate, da Rede Correio Sat, a mulher lamentou a falta de policiamento. “Eu devia ter dado mais. Eu vinha comentado que já faz mais de três dias que não vejo policial. Ele chegou pedindo o celular e eu pensei que fosse o namorado da menina, por isso demorei a reagir, quando vi que era assalto, parti pra cima”, relatou.

A vítima disse ainda que já havia reagido a outro assalto. “Eu reajo mesmo. Eu já dei uma facada em um que tentou me assaltar”, disse.


Reagir ou não?
O tenente-coronel Onivan Elias disse ao Portal Correio que não é possível mais recomendar ‘reaja’ ou ‘não reaja’ em assaltos. Ele explicou que está desenvolvendo uma pesquisa que reúne 600 matérias publicadas na imprensa, com registros de reação a assaltos, para traçar um perfil dos casos.

Segundo ele, os casos são diversos, mas se dividem em quatro grupos: vítima desarmada exitosa (quando a vítima reage, sem arma de fogo, e não tem prejuízos), vítima armada exitosa (geralmente são policiais, que usam arma e não têm prejuízos), vítima desarmada não exitosa (latrocínio) e vítima armada não exitosa (latrocínio).

O caso da senhora que reagiu com uma vassoura se encaixa no perfil da ‘vítima desarmada exitosa’. Ele disse que ela conseguiu encontrar um momento certo que a permitiu reagir.

Para ajudar as pessoas a se protegerem em assaltos, o coronel explica que há um ‘workshop de proteção pessoal’, promovido no Centro de Educação da PM em Mangabeira VII, em João Pessoa, gratuitamente.

Segundo o tenente-coronel, não há um calendário com turmas, mas os interessados podem ligar e se cadastrar para ficar disponíveis quando as aulas forem fechadas.

Onivan Elias contou que é possível aprender técnicas de segurança no workshop, de forma que seja possível diminuir riscos em casos de assalto. Para saber mais informações sobre o workshop, basta ligar nos telefones 3213-9210/9211.

Portal Correio

Autor

Noticiando PB

Total de visualizações de página

Subscribe to our Mailing List

We'll never share your Email address.
Copyright © 2013 Noticiando PB. Powered by Blogger.
Blogger Template by Bloggertheme9
(83) 9 9618-4861 noticiandopb1@gmail.com