segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Filha de mulher morta com quase 30 facadas pelo marido diz que perdoa o pai pelo crime e culpa a mãe pela traição

Postado por Noticiando PB  | 

A filha da mulher que foi assassinada com cerca de 30 facadas nesse domingo (18), na cidade de Santa Rita, na Grande João Pessoa, deu uma declaração polêmica que chocou: “ Eu perdoou meu pai. Minha mãe traia ele com outro homem. Só quem sabe é quem passa”, disse Bianca, filha do casal.
“Não julguem meu pai sem saber. Eu sei que meu pai não fez isso porque ele quis não, foi o inimigo que usou ele. Eu perdoou ele e vocês não tem direito algum de chamar meu pai  de assassino não. Minha mãe traia meu pai há dois anos com um rapaz que ela conheceu dentro de casa. Vou visitar meu pai no presídio. Ele está perdoado”, disse Bianca.
O corpo de Joseane França de Lima foi enterrado nesta segunda-feira (19) no Cemitério da Boa Morte, no município de Bayeux. O velório aconteceu na Comunidade Santa Luzia, também em Bayeux. O crime aconteceu em Santa Rita, por volta das 7h, e dias antes o suspeito escreveu nas redes sociais que mataria a esposa. Ele foi preso em flagrante.
De acordo com a filha de Joseane, o suspeito já demonstrava sinais de vingança. “Mandava áudios no whatsapp, dizendo que ia matar, que não ia ficar por isso, que ia se vingar, a todo mundo ele falava só que ia matar”, revelou.
Nas redes sociais, o suspeito expressou seu desejo de matar Joseane França em pelo menos quatro publicações. Na última sexta-feira (16), ele escreveu o nome da esposa duas vezes ao lado de várias caveiras. Ainda na sexta, ele publicou uma foto com a vítima e escreveu “acreditei em ti por 20 anos, mas isso não vai ficar assim”.
Em mais uma publicação, o suspeito compartilhou uma foto de Joseane e escreveu “eu respondo um homicídio e não pago uma Maria da Penha. Vai morrer”.
De acordo com a perícia, a mulher percorreu cerca de 13 metros dentro de casa até chegar no ponto onde caiu sem vida. Dentro da residência, a polícia encontrou copos quebrados e móveis revirados.
O suspeito preso em flagrante foi levado para delegacia de Santa Rita, mas agora aguarda a audiência de custódia na Central de Flagrantes no bairro do Geisel, em João Pessoa. De acordo com a delegada Maria das Dores Coutinho, o suspeito alega traição, fato informado apenas por ele. “Pode ser até questão de defesa, querer mostrar que para ele existe um motivo”, declarou.
Portal do Litoral

Autor

Noticiando PB

Total de visualizações de página

Subscribe to our Mailing List

We'll never share your Email address.
Copyright © 2013 Noticiando PB. Powered by Blogger.
Blogger Template by Bloggertheme9
(83) 9 9618-4861 noticiandopb1@gmail.com