quarta-feira, 7 de março de 2018

Cabo da PM acusado de estuprar e matar Rebeca Cristina vai a júri popular; ele era padrasto da vítima

Postado por Noticiando PB  | 

O cabo da PM, Edvaldo Soares da Silva, vai a júri popular acusado do homicídio duplamente qualificado – por motivo torpe e com recurso que dificultou a defesa da ofendida – e estupro qualificado de sua enteada, a adolescente Rebeca Cristina, na época com 15 anos. A decisão foi tomada nesta terça-feira (6) pela Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Paraíba, que negou o recurso apresentado pelo acusado. O órgão também determinou a prisão preventiva de Edvaldo.
De acordo com a denúncia, no dia 11 de julho de 2011, o acusado, com um indivíduo não identificado, estuprou e matou a sua enteada, usando uma arma de fogo. Ainda segundo a peça acusatória, o corpo da vítima foi deixado no interior da mata de Jacarapé.
O acusado argumentou que as provas constantes dos autos não indicam a existência de indícios de autoria ou mesmo de sua participação no crime. Caso o recurso não fosse acatado e ele permanecesse pronunciado, pediu para que lhe fosse dado o direito de aguardar o julgamento em liberdade, com a aplicação de todas as medidas cautelares alternativas à prisão.
No voto, o relator, juiz Tércio Chaves de Moura, esclareceu que, na decisão de pronúncia, não é exigível prova cabal e indiscutível, bastando a certeza da materialidade e indícios suficientes de autoria. Ressaltou que o Laudo Cadavérico constatou que a causa da morte foi traumatismo cranioencefálico decorrente de ferimento por projétil de arma de fogo e que o Laudo Sexológico atestou que a vítima era virgem e foi estuprada.
O juiz-relator disse, também, que os indícios de autoria estão presentes, sobretudo quando analisados os depoimentos constantes no processo, que indicam a possível participação do acusado no crime.
Segundo o inquérito policial, há pelo menos 22 indícios de envolvimento de Edvaldo Soares no crime. Para a polícia, a menina foi morta porque descobriu um caso extraconjugal do padrasto após ver mensagens no celular do suspeito.
G1

Autor

Noticiando PB

Total de visualizações de página

Subscribe to our Mailing List

We'll never share your Email address.
Copyright © 2013 Noticiando PB. Powered by Blogger.
Blogger Template by Bloggertheme9
(83) 9 9618-4861 noticiandopb1@gmail.com